Prezar pela segurança no trabalho é uma obrigação do empregador e está previsto em lei sobre diversos artigos da CLT (Consolidação das leis de trabalho).

Cada tipo de trabalho exige um certo grau de atenção, como também um determinado uso de EPI (Equipamentos de proteção individual).

Algumas empresas, para exercer determinadas atividades, precisam também da emissão de um laudo spda ou AVCB de bombeiros, a fim de garantir a segurança dos trabalhadores e também do imóvel onde a empresa está realizando suas operações.

Buscar formas de promover a segurança no trabalho oferecerá uma série de benefícios ao empregador, como por exemplo:

  • Otimização da produção;
  • Menos números de faltas na equipe;
  • Aumento de comprometimento dos funcionários;
  • Diminuição de erros operacionais;
  • Entre outros.

Uma das formas mais indicadas para auxiliar os gestores no processo de diminuição de acidentes no trabalho é a realização da SIPAT (Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho).

Foi pensando em explicar melhor sobre isso que resolvemos publicar o artigo. Aqui vamos falar mais sobre como fazer reuniões de equipe e aumentar a segurança no trabalho. Gostou da pauta? Então venha conosco e confira a seguir. 

As reuniões para segurança no trabalho no setor industrial

O setor industrial é um dos segmentos que mais precisam preparar e treinar funcionários para diminuir os riscos de acidentes devido à própria complexidade de operação e produção.

Mediante a isso, o SIPAT é uma ação obrigatória e deve ser organizado anualmente pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) em conjunto com o Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT).

Esse é um evento obrigatório, no entanto, sua existência não desobriga o empregador a ficar atento aos problemas que podem ocasionar um acidente no trabalho.

Reuniões periódicas para segurança no trabalho

Devido ao setor industrial está constantemente utilizando maquinários pesados e automatizados, muitas vezes, por um simples descuido ou falta de sincronização no movimento entre o humano e a máquina, pode-se ocorrer um acidente e lesar algum dos funcionários

Se você tem uma empresa especializada em fabricar racks para servidor, por exemplo, recomendamos que faça reuniões periódicas com funcionários para saber como está a segurança na operação, o atual desgaste nos equipamentos de proteção individual e o funcionamento dos maquinários.

O funcionário compreende a engenharia da máquina

As máquinas industriais são criadas por engenheiros, mas costumam emitir sons que acabam sendo familiarizados entre a mão de obra produtiva devido a rotina.

Quando realizar as reuniões para promover a segurança no trabalho, também é necessário ouvir os funcionários e colocar em pauta qualquer tipo de ruído  diferente que por eles seja relatado. 

Ruídos podem detectar um problema na válvula de retenção das máquinas, por exemplo, ou entre as engrenagens que suportam o peso do maquinário.

Nesses casos a empresa já antecipa e executa uma correção com manutenção preventiva. Com isso, além de garantir o bom funcionamento do maquinário para produção ininterrupta, também diminui as chances dele ser um agente causador de acidente no trabalho. 

Chega ao fim nosso artigo sobre a importância de fazer reuniões e promover a segurança no trabalho. Caso tenha gostado de nosso conteúdo compartilhe para mais pessoas e nos siga para dicas de gestão empresarial.